COMUNICADO 

Lamentamos informar que, dadas as circunstâncias atuais de saúde pública e devido ao plano de contingência para minimizar a transferência do vírus COVID-19, a Rede SciComPt e o Governo Regional dos Açores decidiram cancelar temporariamente o 8.º Congresso SciComPt 2020, previsto para o próximo mês de maio em Lagoa, Açores.

 

Estamos a tentar definir uma nova data – se possível em outubro 2020 – para a realização do congresso nos Açores. 
Assim que tivermos uma nova data definida serão reabertas as inscrições. 

Esperamos poder manter as apresentações e trabalhos, conforme programado.

Em caso impossibilidade da presença de participantes já inscritos agradecemos que nos contactem para proceder às respectivas devoluções.  

Agradecemos a vossa compreensão, 

A Comissão Organizadora do 8º. Congresso SciComPt 2020

8.º Congresso SciComPT | 2020  

 
Comunicação de Ciência: do Mar ao Espaço

A Ciência que comunicamos está em todo o lado; na tecnologia que faz funcionar os telemóveis à ciência fundamental que permite que os chips funcionem. Das bancadas de química a barcos em alto mar, de trabalho de campo na Antártida a experiências na Estação Espacial Internacional.
Para o 8.º Congresso de Comunicação de Ciência da Rede SciComPT convidamos todos os membros da comunidade a que se encontrem connosco nos Açores, terra no meio do Oceano com os olhos postos no Espaço, rodeada de Ciência a 360º. Queremos conhecer os trabalhos que marcaram o último ano na comunicação de ciência em Portugal e no Mundo. Juntem-se a nós, de 7 a 8 de Maio, em Lagoa, Açores.

Organização
Rede SciComPT + Governo Regional dos Açores, através da Direção Regional de Ciência e Tecnologia

Tema
Comunicação de Ciência – do Mar ao Espaço

Local
NONAGON – Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel.
Lagoa, Açores. 

Data
A anunciar 

Preço
Congresso
(early bird) 
Geral = 70€ (inclui quota associado/a Rede SciComPT 2020) 
Estudantes, associados/as AECC, AGCCCT = 60€ 
Sócios Rede SciComPT com quota anual 2020 paga = 30€

Workshops (pré-congresso) 
Sócios SciComPT = 20€
Não-sócios = 30€

Submissão de Propostas
Até 15 de janeiro de 2020

Idiomas
São aceites propostas e apresentação de trabalhos em português, inglês e espanhol. 

Comunicação de Resultados
1 de março de 2020

Contactos
Rede SciComPT: info@scicom.pt
Organização local: luis.c.amaral@azores.gov.pt

 

CANCELADO 

8.º Congresso SciComPT 2020 | Programa Provisório 

 

 

Dia 6 de maio de 2020 
09:00 – 18:00 | Workshops pré-congresso 
19:00 | Receção na Câmara Municipal de Lagoa

Dia 7 de maio de 2020
09:00 – 18:00 | Congresso SciComPT 2020 (dia 1) 
19:00 | Visita ao ExpoLab + Jantar no Convento dos Frades (oferecido pela Câmara Municipal de Lagoa) 

Dia 8 de maio de 2020
09:00 – 18:00 | Congresso SciComPT (dia 2) 
19:00 – Visita às Furnas + Jantar na Associação Agrícola de S.Miguel (oferecido pela Direção Regional de Ciência e Tecnologia) 

Dia 9 de maio de 2020
09:00 – 13:00 | Programa Social*  
A1 – Observação de Cetáceos (45€) – atividade dependente das condições marítimas
A2 – Passeio às Sete Cidades (20€) 
A3 – Passeio à Lagoa do Fogo (20€) + Entrada na Caldeira Velha (8€) 

* a realização das atividades estará dependente do número de inscrições.

Acompanhantes e Crianças

Os jantares dos dias 7 e 8 e a programação social de dia 9 estão abertos a acompanhantes, mediante pagamento no local (+ info e inscrição no formulário de registo). 
A organização local oferece um serviço de acompanhamento de crianças dos 6 aos 14 anos durante o Congresso. O acompanhamento é assegurado pelos colaboradores dos centros de ciência dos Açores e não terá qualquer custo. As crianças poderão usufruir dos lanches durante os coffee-breaks. As refeições principais deverão ser asseguradas pelos pais. 

Keynotes

Science communication as a creative industry
Jan Pomierny and Lukasz Alwast (Science Now) 

Many say: «those who tell the stories rule the world». And that might be the case in politics, marketing or even science. Nowadays storytelling is more demanding as we are overstimulated by information and services screaming for our instant attention. Science finds itself in this “attention economy”, too, competing for our curiosity and souls, and at the same striving to stay true to its scientific values. Luckily, constantly evolving creative industries are a good source of inspiration and new practices for creating thoughtful and lasting engagements with science. In this keynote we will explore the role of stories and creativity in science communication.

Jan Pomierny (@jan_pomierny) Entrepreneur, creative producer, director. Founder and Chief Executive Officer at Science Now, a science communication strategic design studio and Stellar Fireworks, a design and production studio for themed entertainment and edutainment. President of New Space Foundation, a NGO that supports science diplomacy and education and public outreach activities in Central and Eastern Europe.

Lukasz Alwast (@lucaszalwast) Creative producer, entrepreneur, researcher. Chief Development Officer at Science Now, a science communication strategic design studio and Stellar Fireworks, a design and production studio for themed entertainment and edutainment. Visiting Research Associate at the Institute For Innovation and Public Purpose, University College London.

 

 

Guardiãs das pradarias marinhas – mulheres da comunidade piscatória líderes na conservação do oceano
Raquel Gaspar (Ocean Alive

 

As pradarias de ervas marinhas são desconhecidas do grande público mas são um dos ecossistemas mais importantes do planeta e encontram-se em declínio. A Ocean Alive dedica-se à proteção das pradarias marinhas do estuário do Sado promovendo a liderança de mulheres da comunidade piscatória, as Guardiãs do Mar. Com esta iniciativa, foram criadas três novas profissões: as guias marinhas, que promovem o conhecimento sobre as pradarias de ervas marinhas, as agentes de sensibilização, que catalisam alterações de comportamentos no seio da sua comunidade e as monitoras das pradarias, que colaboram com a equipa científica no mapeamento e a monitorização deste habitat. 

Raquel Gaspar é bióloga marinha e co-fundadora da Ocean Alive, uma organização de educação marinha dedicada à alteração de comportamentos para a proteção do oceano. A Raquel é uma das portuguesas exploradoras da National Geographic com um projeto que envolve mulheres da comunidade piscatória na monitorização e na melhoria da proteção das pradarias marinhas do estuário do Sado.

CANCELADO

Workshops Pré-Congresso

Preço geral = 30€ 
Sócios/as Rede SciComPT = 20€
Inscrição no formulário de registo do Congresso
Local: W1, W2 e W3 NONAGON – Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel

W4 – Expolab / Preço único = 20€ (exclusivo para jornalistas) 

W1 – Como escrever uma notícia | 14:00-18:00

Neste workshop, os participantes serão convidados a escrever uma notícia, tendo por base um artigo científico recente. Aprenderão as bases da escrita de notícias e as regras de elaboração de títulos. É essencial fazer-se acompanhar de computador portátil.

António Granado (@agranado) é professor auxiliar na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, onde coordena o mestrado em Jornalismo e co-coordena o mestrado em Comunicação de Ciência. Foi jornalista profissional durante mais de 26 anos, tendo-se especializado na área do jornalismo de ciência. Em Outubro de 1989, entrou como estagiário no jornal Público, onde fez grande parte da sua carreira profissional e onde foi, para além de jornalista, editor de ciência, sub-director, chefe de redacção e editor do Publico.pt, cargo que abandonou no final de Fevereiro de 2010. Entre Setembro de 2010 e Março de 2014 foi editor multimédia na RTP.

W2 – Vídeo Low-cost de Ciência | 09:00 – 18:00

Este workshop tem como objetivo principal a produção de um vídeo científico de baixo custo. Nos últimos anos os conteúdos audiovisuais têm-se destacado como ferramentas cada vez mais importantes no processo de comunicar ciência, permitindo transformar os procedimentos científicos, expandir a capacidade de descoberta e oferecer novas oportunidades no campo da educação. Investigadores, comunicadores e outros atores conseguem com poucos meios comunicar a sua mensagem de um modo mais flexível, dinâmico e abrangente. Existe já um leque alargado de recursos audiovisuais disponíveis que tem sofrido um enorme crescimento e adesão por parte da comunidade científica. O presente workshop pretende assim dar a conhecer todas as possibilidades e potencialidades desta área, estando dividido em dois momentos: (i) uma parte teórica onde serão apresentados os principais
recursos vídeo usados atualmente para comunicar ciência – vantagens e desvantagens, tipologias e regras de utilização – e explicadas as principais fases de conceção de um filme – pré-produção, produção, pós-produção e divulgação; (ii) e uma parte prática onde serão dinamizados dois exercícios em que os participantes serão desafiados a produzir o seu próprio vídeo de ciência.

Importante: os participantes deverão ter consigo máquina fotográfica (que filme) ou câmara de vídeo ou smartphone, e computador portátil, e qualquer outro material que julguem relevante para a captação de imagem (por ex. tripé).

Miguel Ferreira (@miguel_flf) é licenciado em Biologia (2005), Mestre em Qualidade e Gestão do Ambiente (2011) e pós-graduado em Ciências da Comunicação
(2015). Tirou o Curso de Pós-Produção Audiovisual na Restart – Instituto de Criatividade Artes e Novas Tecnologias e trabalhou durante seis anos como Monitor/Coordenador no Centro Ciência Viva do Lousal. Atualmente é Comunicador de Ciência e Investigador no Gabinete de Comunicação do Centre for Functional Ecology da Universidade de Coimbra. Está a frequentar o terceiro ano do programa doutoral em “História das Ciências e Educação Científica” com um projeto de investigação na área dos “video abstracts”.

W3 – Small but sweet. Using the snowball effect for low-cost, open source exhibitions. | 14:00-18:00 

Impact. A buzz-word that either stirs excitement or fear. The question universally the same – are we using our time, effort and resources in the best possible way to meaningfully reach existing and new audiences? During this workshop we will explore some recent open-source exhibitions and pop-up projects to see and learn how these could be used to discover, repackage and tell exciting local stories to a global, networked audience. The workshop will also include a “hands-on” tour through an exhibition / experience development process.

Lukasz Alwast (@lucaszalwast) Creative producer, entrepreneur, researcher. Chief Development Officer at Science Now, a science communication strategic design studio and Stellar Fireworks, a design and production studio for themed entertainment and edutainment. Visiting Research Associate at the Institute For Innovation and Public Purpose, University College London.

Jan Pomierny (@jan_pomierny) Entrepreneur, creative producer, director. Founder and Chief Executive Officer at Science Now, a science communication strategic design studio and Stellar Fireworks, a design and production studio for themed entertainment and edutainment. President of New Space Foundation, a NGO that supports science diplomacy and education and public outreach activities in Central and Eastern Europe.

W4 – Todos os jornalistas podem falar sobre ciência* | 14:00-18:00


Sismos, epidemias, alterações climáticas, alimentação e um porto espacial são temas de ciência que fazem parte do dia a dia dos leitores, ouvintes e telespetadores e cabe aos jornalistas fornecer as informações que as pessoas procuram. A falta de tempo, de recursos humanos e de conhecimentos científicos são as principais limitações apontadas para a falta de artigos de ciência nos órgãos de comunicação social. Este workshop pretende fornecer ferramentas e estratégias para ultrapassar estes obstáculos e ajudar os jornalistas e redações a fornecerem mais notícias de ciência à sua audiência.

Vera Novais (@VN0VAIS) é jornalista no Observador desde a fundação do jornal em 2014. É especializada em ciência e saúde, embora escreva frequentemente sobre outros temas. É coordenadora do grupo de Jornalistas de Ciência dentro da Rede SciComPT, é membro da direção da International Science Writers Association e colabora pontualmente com a World Federation of Science Journalists. Licenciou-se me Biologia em 2004 e fez investigação científica na área da monitorização ambiental. De 2007 a 2014, trabalhou como comunicadora de ciência/educadora ambiental em vários programas educativos, como no Jardim Zoológico de Lisboa e no Jardim Botânico da Universidade de Lisboa.

* NOTA: Este workshop tem  custo de 20 euros e é exclusivamente para jornalistas (ou outros elementos dos órgãos de comunicação, como editores ou diretores). Os participantes devem levar um computador.

 

 

 

DEVIDO AO CANCELAMENTO DO CONGRESSO, AS INSCRIÇÕES ENCONTRAM-SE TEMPORARIAMENTE ENCERRADAS. 

Formulário de Inscrição no 8.º Congresso SciComPT 2020

Localização

NONAGON – Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel

Rua da Tecnologia K – Epsilon, N.º 2,
9560-421 Rosário – Lagoa
 

(ver no Google Maps)

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Como chegar

Lisboa – Ponta Delgada

SATA: 3 voos diários
TAP: 2 voos diários
RYANAIR: 2 voos diários

Porto – Ponta Delgada

SATA: 1 voo diário
TAP: 1 voo diário
RYANAIR: 1 voo diário


Onde ficar

A organização disponibilizará transporte entre Ponta Delgada e Lagoa no início e no final de cada dia de Congresso. 

Lagoa 

 

Ponta Delgada

Comissão Científica 

Ana Delicado
Ana Godinho
Ana Sanchez
Anabela Carvalho
António Gomes da Costa 
António Granado (presidente) 
Carlos Catalão 
Carlos Fiolhais
Cristina Luís
Elena Lázaro
João Miguel Ferreira
Júlio Borlido Santos
Leonel Alegre
Maria João Leão 
Maria Manuela Lopes
Maria Vicente
Pedro Pombo 
Pedro Russo
Sara Varela Amaral 
Teresa Firmino
Teresa Girão 

Comissão Organizadora 

Direção Regional da Ciência e Tecnologia
Ana Pacheco
Bernardo Pombo
Luís Amaral
Maria L. Ananias
Mónica de la Cerda

Observatório Microbiano dos Açores
Cátia Rodrigues
Guilherme Bettencourt

Observatório do Ambiente dos Açores
Alexandra Correia
Flávia Mendes

Expolab
Paulo Amaral
Vera Gouveia

Observatório do Mar dos Açores
Carla Dâmaso
Maria Joana Cruz

Observatório Astronómico de Santana
Alexandra Melo
Sofia Janeiro

Observatório Vulcanológico e Geotérmico dos Açores
Nuno Pereira
Pedro Correia

Rede SciComPT 
Joana Lobo Antunes
João Gaspar
Maria Vicente
Pedro Russo 
Sílvia Castro 
Sílvio Mendes
Teresa Girão